TU ÉS FANTÁSTICO… e esta é a hora de o mostrares.

Tenho um conjunto de felicidades muito especiais na minha vida, que nem todos têm, e que partilho como início de reflexão:

1. Vivo num local isolado e seguro, onde posso passar em paz esta fase de recolhimento, com vegetação abundante e uma pista de cicloturismo para me manter ativo de forma segura;

2. Ainda que isolado, tenho fibra, computador, internet, 4G e demais comunicações e modernices para enfrentar esse isolamento e os desafios desta fase com produtividade e sanidade mental;

3. Tenho uma equipa fantástica de gente à minha volta, que corajosamente enfrenta o dia-a-dia atrás de uma webcam; que mesmo sabendo que os tempos que se avizinham serão especiais e duros, estão sorridentes à frente do monitor durante os dias que passam sozinhos nas suas casa; que percebem que os sacrifícios que se avizinham são únicos, novos e imprevisíveis, mas que só juntos, unidos e focados é que os vamos superar;

4. Durante os últimos 14 anos estudei muito, aprendi muito e desenvolvi muito as minhas capacidades de liderança, gestão de risco auto-controlo emocional com alguns dos melhores do mundo, de modo que hoje consigo navegar esta cris de forma “fluída”, tomando facilmente decisões como mandar todos para casa, porque percebo e sinto que a segurança de cada uma destas pessoas é mais importante que o desafio económico que se avizinha;

5. Tenho esta coisa (às vezes tão complexa mas agora tão boa!) de ser explorador, criativo, “resourceful”, como dizemos em inglês: consigo procurar e descobrir soluções onde outros só vêm problemas.

Alguns dirão que tenho sorte, eu direi que sou quem sou por tudo o que passei, e tudo o que passei tornou-me na pessoa resistente e resiliente que hoje sou (longe de ser perfeito, mas resistente e resiliente). Direi que paguei bem o preço de aqui estar, com feridas que não se vêm mas que ficaram marcadas na alma, na mente e no coração.

Infelizmente muitos não têm estas felicidades: vivem numa caixinha de fósforos, no meio do betão da cidade; têm pouco ou nenhum acesso às tecnologias; vivem isolados ou rodeados de pessoas negativas e depressivas; trabalham para quem não tem consciência e coloca o lucro à frente da segurança dos seus; não sabem como fazer, não têm hábito/jeito para improvisar, para se “desenrascarem”; não tiveram a oportunidade de estudar e de desenvolver um mindset que resista facilmente a estas situações… Esses são os que mais precisam de nós!

A mim parece-me que os próximos meses serão duríssimos, que o vírus é a ponta do iceberg de uma hecatombe financeira e económica que aí vem, com muitas empresas a cair e a arrastar consigo pessoas, famílias, comunidades… parece-me que os próximos meses farão os tempos da troika parecer um “passeio no parque”… Deus queira que eu me engane, por favor, por favor… que eu esteja MESMO enganado! Mas não creio… como explorador que sou, parece-me tudo demasiado claro.

É por isso que digo, a plenos pulmões e para que todos oiçam, sem margem para rodeios: cada um de nós é fantástico, é uma pessoa única, que precisa de perceber o que se passa, aceitar quanto antes o que aí vem, arregaçar as mangas e dar o litro. TU ÉS FANTÁSTICO, e esta é a altura de o demonstrar:

1. Se és empresário, dá o exemplo e lidera as tuas gentes com coragem, firmeza e esperança:  não te escondas, não fujas, mas lidera, inspira e protege!

2. Se és empregado, contribui, concentra-te, foca-te no que tens que fazer à distância, a tua empresa também depende de ti, e se pensares só no teu umbigo todos perdem (a começar por ti!);

3. Se és mais idoso, protege-te, comunica, pede ajuda, partilha o que te vai na mente e as dores que tens, para que outros te possam servir como um dia serviste este país e os portugueses;

4. Se és novo, cresce, ganha consciência de que o que fazes é crítico para todos, que tens o papel mais exigente de todos: o de dar um salto de responsabilidade, consciência e “pedalada” do dia para a noite, porque a tua família e o teu país vão precisar DESESPERADAMENTE disso;

5. Se estás doente, coragem! Sorri, lê, vê comédias, trabalha-te para saíres dessa situação: isso inspirará muitos a seguir o teu exemplo, e com o teu exemplo mutos ganham a perspectiva de se salvarem também;

6. Se és médico, enfermeiro, técnico de saúde, bombeiro ou qualquer outro ligado a esta área crucial do atual panorama nacional, FORÇA! Estamos cá para te ajudar, para te encorajar, para responder ao que precisares, ao que for crucial para que salves muito… por favor PEDE O QUE PRECISARES, tens um país inteiro a apoiar-te!!!

7. Se não és nada destas coisas, pensa, interroga-te e descobre o que podes fazer pelo país, por quem sofre, por quem não tem internet, está só, tem que trabalhar… o que podes fazer por cada um que te rodeia? Pela tua comunidade? Pelo teu país?

Em suma, TU ÉS FANTÁSTICO!

Está na hora de libertares todo o fantástico que tens dentro de ti… atreve-te!

(sempre em segurança e respeitando as indicações de quem nos lidera, claro!)

Leave A Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *